Brasileiros vão mal e Faze Clan é a campeã da StarSeries i-League de PUBG.
0

Brasileiros vão mal e Faze Clan é a campeã da StarSeries i-League de PUBG.

Mar 05 Savio Amorim  

Faze Clan mantém regularidade na competição e fisga a primeira colocação. Brasileiros da LG ficam na penúltima posição.

É isso aí, invasores! Campeonato presencial realizado em Kiev na Ucrânia da StarSeries i-League de PUBG foi finalizado neste domingo (04). A competição que ocorreu nos dias 1 a 4 de março (2018) teve 20 jogos ao todo e a pontuação final levou em consideração a posição da equipe em cada partida e o número de abates.

O esquadrão da Faze Clan manteve regularidade nos 4 dias de disputa e cravou o primeiro lugar com 3607 pontos. Mas a vida da grande campeã não foi fácil durante a competição, a equipe do Team Liquid, que terminou em segundo lugar (3046 pontos), conseguiu 3 vitórias nos 5 primeiros jogos abrindo uma vantagem de 362 pontos do segundo colocado (Faze Clan). Até a 14º partida a Liquid manteve a liderança do campeonato, mas sempre com a Faze em seu encalço. No entanto a consistência do time campeão fez a diferença, dos 20 jogos realizados conseguiu por 11 vezes estar entre os 3 melhores da partida, conquistando o primeiro lugar 4 vezes e somando um total de 112 abates.

Já a equipe brasileira da Luminosity Gaming não conseguiu seu objetivo de ficar no top 5, terminou a competição em 15º lugar (1448 pontos e 43 abates) somente à frente do esquadrão chinês Game of Life (GOL) com 988 pontos e 23 abates. As melhores posições alcançadas pela equipe canarinha foram em 3º e 2º lugar, na 7ª e 16ª partidas respectivamente.

Análise do autor: LG foi a única equipe estreante na competição e a falta de confiança juntamente com a inexperiência do squad brasileiro no cenário competitivo de PUBG contou muito para o baixo rendimento dentro das partidas. Isso pôde ser notado no primeiro dia dos jogos, no qual decidiram sempre ficar na borda da playzone que acarretou, em várias vezes, uma perseguição para as seguintes playzones. Não obstante, realizavam tal rotação sem a utilização de veículos (provavelmente para não chamarem atenção de outros squads com o barulho dos carros), desta forma equipes já melhores posicionadas tinham o fácil trabalho de eliminar os brasileiros. Terminando assim o primeiro dia na última colocação.

Já nos dias seguintes da competição a Luminosity Gaming decidiu adotar uma estratégia diferente, muito parecida com que grande parte dos outros squads aplicavam. Se rotacionavam em 3-1, isto é, um jogador sozinho tentava encontrar uma casa segura o mais centralizado possível da playzone, enquanto os outros três continuavam procurando por equipamentos e, mais tarde, se encontravam com o jogador solitário que estava protegendo a construção. Tal estratégia resultou em posições para LG terminando o segundo dia em 13º lugar.

O squad brasileiro tentou manter esse padrão nas demais partidas, porém não estavam conseguindo encaixar seu jogo e acabaram perdendo posições, terminando o campeonato na 15ª posição.

Para a escolha do jogador destaque da Luminosity Gaming foi uma tarefa bem fácil, Nino “ninexT” Pavolini conseguiu o maior número de abates da equipe e também conseguiu alguns highlights, como a defesa de uma casa próximo à Gatka em um 4×1 ninexT conseguiu derrubar 3 jogadores da GOL, finalizou um, mas os outros jogadores da LG não chegaram a tempo para ajudar e acabou sendo finalizado. Outra jogada realizada foi em Georgopol, axT e ninexT foram surpreendidos pelos 4 jogadores da Four Angry Men, axT foi derrubado, mas ninexT conseguiu finalizar os 4 membros da 4am e levantar o companheiro.

 

 

 

 

 

About Savio Amorim

Leave a comment

Type your name
Type your email
Website url
Type your comment